Baixe o Adobe Flash Player

Liu He Quan / Luk Hop Kuen

Estilo criado dentro do Mosteiro de Shao Lin, o Liu He (Luo Hap) é também conhecido como “Seis Harmonias” ou “Seis Uniões”. Seu princípio fundamental é baseado na seqüência de seis movimentos encadeados dentro de uma seqüência maior. Suas seqüências de ataque objetivam as “Seis Harmonias”, que se referem as principais articulações do corpo humano: Punho, cotovelo, ombro, tornozelo, joelho e quadril.

O conceito "físico" das seis uniões é muito amplo e utilizado de forma geral em muitos estilos de arte marcial chinesa, no que diz respeito às seis articulações do corpo humano. Este conceito se aplica de duas formas: na prática constante do alinhamento perfeito destas articulações para que a técnica possa ser executada com perfeição e o golpe tenha força total, e na segunda forma, em que o ataque seja dirigido a uma destas articulações. O conceito "imaterial" das seis uniões envolve o uso da energia vital Chi, e se aplica no seguinte ditado do Luo Hap:

"Os olhos acompanham a mente, a mente acompanha o Chi, O Chi acompanha o corpo, o corpo acompanha as mãos, As mãos acompanham os pés, e os pés acompanham os quadris."

Alguns estudiosos fazem um elo do Liu He com o Xing Yi Quan, tanto nos conceitos de aplicação de força como na movimentação, dinâmica e utilização do conceito das "seis uniões", já que a semelhança dos movimentos é nítida, e a título de curiosidade vale ressaltar que o Liu He Quan é mais antigo que o próprio Xing Yi Quan.

Movimentos fortes, com pisões, alternando técnicas de chutes e socos, fazem do Luo Hap (Liu He Quan) um estilo muito poderoso, com uma ampla gama de possíveis movimentos de ataque e contra-ataque, alternando entre movimentos suaves e explosivos.
História
Genealogia